Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
4

Pinto da Costa faz forte ataque à arbitragem

Presidente do FC Porto estende o rol de críticas ao rival Benfica.
Francisco Laranjeira 7 de Maio de 2019 às 08:35
Presidente do FC Porto  fez críticas às arbitragens dentro das quatro linhas e às decisões dos videoárbitros
Pinto da Costa não tem dado o apoio que  Conceição esperava
Pinto da Costa (FC Porto)
Presidente do FC Porto  fez críticas às arbitragens dentro das quatro linhas e às decisões dos videoárbitros
Pinto da Costa não tem dado o apoio que  Conceição esperava
Pinto da Costa (FC Porto)
Presidente do FC Porto  fez críticas às arbitragens dentro das quatro linhas e às decisões dos videoárbitros
Pinto da Costa não tem dado o apoio que  Conceição esperava
Pinto da Costa (FC Porto)
Pinto da Costa foi corrosivo nas críticas ao futebol português, em particular ao setor da arbitragem, na ‘Revista Dragões’.

Para o líder portista, os "adversários vestem de preto, andam com um apito ou estão sentados em frente a ecrãs de televisão", sublinhando: "Infelizmente parece que é mais fácil para o FC Porto ter êxito nas competições europeias, frente a rivais mais difíceis, do que em Portugal."

O rival Benfica, com o qual o FC Porto luta de forma acesa pelo título nacional, não ficou esquecido nas críticas do presidente do clube.

"Triste o país onde abundam as paixões vermelhas e os pinheiros pouco iluminados, sempre disponíveis para subverter a classificação do campeonato, como agora o fizeram, demonstrando que o crime compensa. Não há camião de coação que não continue a dar resultados", lembrou Pinto da Costa.

No plano desportivo, Felipe e Herrera estão de saída enquanto Alex Telles está mais perto da continuidade.

De acordo com a imprensa espanhola, o FC Porto e Atl. Madrid estão próximos de chegar a um acordo para a transferência do defesa-central, de 29 anos, que pode acompanhar o médio mexicano em Madrid.

A contratação nunca será oficializada antes do final da Taça de Portugal, no próximo dia 25, e deverá render cerca de 20 milhões de euros aos dragões.

No entanto, o interesse em Alex Telles terá resfriado, sobretudo devido ao elevado valor exigido pelo FC Porto. A SAD quer receber 40 milhões de euros, o valor da cláusula de rescisão, para deixar sair o esquerdino e o Atl. Madrid ‘torce o nariz’.
Revista Dragões Felipe Pinto da Costa FC Porto presidente Benfica Alex Telles Atl desporto futebol
Ver comentários