Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
8

Sérgio Conceição sem apoio no FC Porto

Técnico sente-se cada vez mais isolado pela SAD na defesa pública da equipa.
Pedro Neves de Sousa 3 de Maio de 2019 às 01:30
Sérgio Conceição
Sérgio Conceição retira pressão de cima dos seus jogadores antes de um jogo decisivo
Pinto da Costa não tem dado o apoio que  Conceição esperava
Sérgio Conceição
Sérgio Conceição
Sérgio Conceição retira pressão de cima dos seus jogadores antes de um jogo decisivo
Pinto da Costa não tem dado o apoio que  Conceição esperava
Sérgio Conceição
Sérgio Conceição
Sérgio Conceição retira pressão de cima dos seus jogadores antes de um jogo decisivo
Pinto da Costa não tem dado o apoio que  Conceição esperava
Sérgio Conceição
Sérgio Conceição sente-se cada vez mais isolado no FC Porto, apurou o Correio da Manhã.

O empate com o Rio Ave (2-2) e a contestação dos adeptos, no final do jogo, aumentaram a revolta pela falta de apoio da estrutura portista, não só de Pinto da Costa, mas também de Luís Gonçalves, diretor-geral.

Em causa está a defesa pública dos jogadores e da equipa técnica ao longo da época e principalmente após o resultado em Vila do Conde, que pode ter custado o título nacional e provocou momentos de tensão com a claque Super Dragões.

Esperava outra atitude da SAD portista. O desgaste existe e refletiu-se ao assumir o insucesso sozinho e o frente a frente com os adeptos. Só não falou da arbitragem de Artur Soares Dias, para não ser castigado, mas esperava que fosse Luís Gonçalves, a fazê-lo, sabe o CM.

Ameaça bater com a porta no final da época, apesar de ter contrato até 2021. Pinto da Costa, aliás, esperou quatro dias para dar o voto de confiança e abordar a tensão entre treinador e claque.

"Ele fala com os adeptos sempre que quiser. Nem se alterou a forma de estar, nem de trabalhar. São coisas que passam naquele momento. No dia a seguir, isso já não existe", disse na altura o líder portista.

O treinador entende que o trabalho não tem sido totalmente reconhecido numa época em que o clube encaixou 78,4 milhões de euros na Liga dos Campeões e qualificou-se para a final da Taça de Portugal. Não desiste do campeonato, apesar da desvantagem de dois pontos para o Benfica.

O foco está no jogo com o Desp. Aves, mas o início da semana foi essencialmente para perceber o que falhou no desperdiçar de dois pontos com o Rio Ave.

Conceição apontou o dedo aos jogadores e obrigou-os a ver, várias vezes, o vídeo do jogo, apurou o CM. Exige agora uma resposta frente ao Aves para continuar na luta pelo título e dedicar a vitória a Iker Casillas.

Vaná vai estrear-se na Liga
Vaná vai ser a aposta de Sérgio Conceição para ocupar o lugar de Casillas na baliza do FC Porto, no jogo com o Desp. Aves, da 32ª jornada da Liga. Casillas não joga mais esta época, depois de ter sofrido um enfarte agudo do miocárdio, na quarta-feira.

Fabiano não é opção, devido a lesão. Vaná será o titular frente ao Aves e fará a estreia na Liga. O jovem Diogo Costa, campeão europeu de sub-19, deve sentar-se no banco de suplentes.
Ver comentários