Barra Cofina

Correio da Manhã

Colunistas
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já
Piloto morre em corrida de motos no Estoril

Francisco J. Gonçalves

A preto e branco

Parafraseando Mateus, 22.14, nestas coisas da política há muitos chamados, uns quantos eleitos e muito poucos escolhidos.

Francisco J. Gonçalves 4 de Março de 2019 às 00:30
Gostar de cinema a preto e branco faz sentido. Nada como um clássico de Fritz Lang, Sternberg ou John Ford para perceber como nasceu a arte do cinema.

Mas há quem aplique esta opção ‘estética’ fora do ecrã e goste de ver a vida sem o efeito technicolor e o que para o cinema é virtude passa a defeito. É que, para ler o que acontece no mundo não bastam 60 sombras de cinzento.



Exclusivos

Assinatura Digital

Acesso à edição digital e a todos os conteúdos exclusivos do site no pc, tablet e smarphone
Assine já 1 mês/1€
Para ler este e todos os EXCLUSIVOS DE HOJE no site 1€ (IVA incluído)
UTILIZE O
Fritz Lang Venezuela John Ford Sternberg UE Maduro EUA ditador Guaidó Rússia Mateus política
Ver comentários
Hoje nas bancas
Capa do Dia
A primeira página do Correio da Manhã e o acesso ao e-paper Ver todas as
primeiras páginas