Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Espanca com cinto o pai de 90 anos e anda solto

agressão Idoso está sentado ao volante do carro enquanto é agredido no peito e num braço pelo filho, que tem 59 anos Vídeo A agressão ocorreu na via pública, foi filmada e denunciada à PSP
24 de Agosto de 2020 às 15:14
2
3
1 Golpes de cinto sucederam-se durante pelo menos um minuto 2 Vítima fechou a porta e buzinou para tentar que alguém o ajudasse 3 Filho voltou a abrir o carro e golpeou o pai durante mais algum tempo
Postscript MILTMP43417543.eps (5594554) (Milenium)
2
3
1 Golpes de cinto sucederam-se durante pelo menos um minuto 2 Vítima fechou a porta e buzinou para tentar que alguém o ajudasse 3 Filho voltou a abrir o carro e golpeou o pai durante mais algum tempo
Postscript MILTMP43417543.eps (5594554) (Milenium)
2
3
1 Golpes de cinto sucederam-se durante pelo menos um minuto 2 Vítima fechou a porta e buzinou para tentar que alguém o ajudasse 3 Filho voltou a abrir o carro e golpeou o pai durante mais algum tempo
Postscript MILTMP43417543.eps (5594554) (Milenium)

Direitos da EDP disparam no primeiro dia e negoceiam acima das ações

 

A estreia positiva dos direitos de subscrição demonstra um forte interesse dos investidores no aumento de capital.

 

 

Os direitos de subscrição do aumento capital da EDP estrearem-se hoje em forte alta na praça portuguesa, negociando bem acima do valor teórico de 10,6 cêntimos determinado pela cotação de fecho de ontem das ações.

 

Após a primeira hora de negociação, os direitos estão a cotar nos 11,5 cêntimos, tendo já transacionado em 12,5 cêntimos, uma cotação que é 17,9% superior ao preço teórico.

 

Estes títulos estão a negociar bem acima do valor das ações, mostrando um forte interesse dos investidores no aumento de capital com uma corrida aos direitos que permitem subscrever as novas ações do aumento de capital.

 

À cotação de 11,5 cêntimos corresponde um valor teórico da ação de 4,652 euros, mas os títulos estão a transacionar em bolsa a 4,541 euros, o que representa um prémio de 2,5%.

 

À cotação máxima dos direitos de 12,5 cêntimos corresponde um valor teórico da ação de 4,77 euros, 4,6% acima da cotação máxima da EDP na sessão de hoje (4,559 euros).

 

Esta situação de desequilíbrio entre a cotação dos direitos e das ações abre oportunidade para operações de arbitragem, que neste caso passa por vender o direito que está "caro" e comprar a ação que está "barata".

 

Tendo em conta a cotação de fecho de ontem das ações, foi apurado um preço teórico do direito de 10,61 cêntimos, que serviu de referência para o início da negociação esta quinta-feira.

 

O preço teórico do direito é calculado através da diferença entre a cotação da ação (4,548 euros) e o preço do aumento de capital (3,30 euros), multiplicado depois pelo fator de atribuição de direitos a cada ação (0,085035375).

 

À cotação da ação da EDP corresponde sempre um valor teórico do direito e à cotação do direito corresponde um valor teórico da ação.

 

Na calculadora do Negócios (disponível em baixo), pode ver o preço teórico do direito introduzindo a cotação da ação e o preço teórico da ação introduzindo o preço do direito. Sabe também quantas novas ações pode subscrever tendo em conta o número de direitos e o investimento que terá que realizar se quer participar no aumento de capital.

 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)