Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Há mais peões a morrerem nas estradas portuguesas

PSP registou oito vítimas mortais em quatro meses, mais duas que no ano passado.
Sérgio A. Vitorino 10 de Maio de 2019 às 06:00
GNR
GNR
PSP
GNR
GNR
PSP
GNR
GNR
PSP
Continua a subir este ano, pelo terceiro consecutivo, o número de peões mortos nas estradas.

De acordo com dados da PSP, a que o CM teve acesso, nos primeiros quatro meses do ano foram registadas oito vítimas mortais (mais 2 que em igual período de 2018), 79 feridos graves (mais 5) e 1132 ligeiros (mais 39).

A tendência será igual na área da GNR, que esta quinta-feira anunciou uma campanha para reduzir a sinistralidade. De acordo com a Pordata, entre 1985 e 2018 morreram 10 630 atropelados em Portugal.

O ano passado morreram 100 peões em mais de 7300 atropelamentos.

Numa média, três em cada quatro tinham mais de 50 anos de idade - o que é transversal às áreas da PSP (interior das principais cidades e vilas) e GNR (exterior das localidades). A PSP registou 3403 atropelamentos, com 30 mortos (mais 5 que em 2017), 228 feridos graves (menos 2) e 3415 leves (mais 4).

Já a GNR anunciou esta quinta-feira que registou em 2018 "3950 atropelamentos, que provocaram 70 vítimas mortais e 202 feridos graves, o que representa um aumento de 11% no número de vítimas graves relativamente ao ano anterior".

Pormenores
"Vamos refletir"
A GNR e a Infraestruturas de Portugal celebraram ontem um protocolo para a campanha "Vamos Refletir", para reduzir a sinistralidade "em crianças, idosos e ciclistas". Vão ocorrer ações de sensibilização ao longo do ano nas estradas, escolas, centros de dia e eventos.

Comportamento seguro
É pedido que essas pessoas tenham "comportamentos seguros" e usem "equipamentos refletores". Já os condutores devem "proteger os utilizadores mais vulneráveis".

158 mortos nas estradas
Entre 1 de janeiro e 7 de maio morreram 158 pessoas nas estradas portuguesas (mais 11 que em igual período de 2018), anunciou a Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária. Houve 643 feridos graves (mais 53). teste
GNR PSP Pordata Portugal acidentes e desastres
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)