Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Mãe da bebé morta pelo "monstro" do Seixal critica atuação da PSP

Lara, de 2 anos, perdeu a vida às mãos de Pedro Henriques.
S.G. 6 de Abril de 2019 às 01:30
A carregar o vídeo ...
Lara, de 2 anos, perdeu a vida às mãos de Pedro Henriques.
Dois meses após a morte da pequena Lara, de 2 anos, e da avó, Helena Cabrita, às mãos de Pedro Henriques, o homem que ficou conhecido como o ‘Monstro do Seixal’, Sandra Cristina, a mãe da criança, fez uma nova publicação na sua página de Facebook.

Na mensagem, acusa a PSP de inação perante os pedidos de ajuda que fez contra o ex-companheiro. "Gritei e xinguei os polícias de toda a maneira e feitio! Disse-lhes tudo o que lhes queria dizer das outras vezes que os procurei e me responderam que não podiam fazer nada".

Sandra refere que na manhã fatídica seguiu os carros dos bombeiros: "Só pedia por favor para não pararem à frente da casa dos meus pais, mas a minha prece não foi atendida".

Conta que os agentes da PSP, no local, a trataram com indiferença, mas admite que houve um que se destacou pela positiva: "Ele ouviu de mim exatamente o mesmo que os outros, mas os seus olhos... nos seus olhos vi sentimento, vi emoção".

Monstro Lara Pedro Henriques Helena Cabrita Seixal Facebook PSP Gritei
Ver comentários